Artes Marciais: O Karatê como filosofia de vida

Arnaldo Santos em um de seus treinos

Por Kelly Andrade

As artes marciais começaram a se popularizar na última década, devido ao grande interesse da população em praticar as lutas como forma de exercício e defesa pessoal. Antes, essa prática era de domínio exclusivo dos monges e guerreiros, mas hoje, as artes marciais provenientes do Japão, Coréia e China são cada vez mais populares e contam com um extenso número de adeptos.

Atualmente, o Karatê é uma das principais lutas utilizadas para autodefesa e significa “o caminho da mão vazia”. Sua origem remete ao século XV, em Okinawa, no Japão. Na época, uma lei proibia o uso de qualquer tipo de arma, porém, os criminosos a ignoravam. Para se defender, os monges zen-budistas desenvolveram a técnica de “mãos vazias”, a qual originou o Karatê. . No Brasil, a luta foi introduzida na década de 50 em São Paulo e em seguida nos outros estados.

O Blog Conexão Tribo conversou com um lutador profissional de Karatê, Arnaldo Santos, que compete pelo Esporte Clube Palmeiras e em campeonatos universitários pela Unisant’anna. Arnaldo nos contou que iniciou no Karatê aos 4 anos de idade e se inspirava inicialmente nos filmes de Bruce Lee. “O Karatê traz paz, harmonia e qualidade de vida”, garante. Arnaldo lembra que o Karatê não participa das Olimpíadas e acredita que isso acontece devido à falta de patrocínio e por ser um esporte filiado a muitas federações. “É o único campeonato que não participamos”, lamenta.

Perguntamos ao karateka sobre lutadores violentos que brigam nas ruas por qualquer motivo, e em sua opinião, isso é apenas uma desculpa para os vândalos.  “Isso é uma farsa, tem gente que acha que é profissional só porque se matriculou em uma academia de Artes Marciais, se a sociedade pensar assim sobre os lutadores profissionais estará sendo preconceituosa e mal informada”, afirma.

Arnaldo nos contou qual a filosofia do Karatê que eles falam antes de iniciar o treino:

“Lembra do Karatê, se esforçais para a formação do caráter, fidelidade para o com o verdadeiro caminho da razão, criai intuito de esforço, respeito acima de tudo e conter o espírito de agressão”.

O lutador é faixa-preta pela Federação Paulista de Karatê Interestilos e recentemente participou da 1° etapa do Campeonato Paulista de Karatê faturou o 3° lugar do pódio e foi classificado para as finais. O Blog Conexão Tribo vai acompanhar a final do campeonato, aguarde!

About these ads

7 Comentários

  1. Parabéns galera do Conexão Tribos!!!
    Estou adorando as postagens….
    Beijos

  2. Daniel San, é meu heroi desde que criancinha.Mas sempre quis ser um Cobra Kai…
    Gostei do post.
    Deveriam fazer um sobre Kung Fu….

  3. Parabéns pelo texto Kelly! Gosto muito de artes marciais, de assistir lutas e o karatê, é realmente muito legal. É muito legal também a disciplina que os lutadores tem que ter, quando represantam uma academia ou um clube.

  4. Lindo o novo layout! Parabéns.
    Beijos,
    Prof. T.

  5. Kelly, legal o texto, ficou bem informativo.
    Objetivo e suscinto. gostei.
    Daniel Sam é uma mentira que os “losers” gostavam de acreditar na adolescência…

    beijos

  6. Que lindo esse blog. Estou orgulhosa (orgulho de mãe).
    Parabéns Kelly. É por isso que acredito e confio muito em você.

    Beijo, beijo.

  7. comentários recentes karate shotokan


Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.