Resenha de À prova de Morte – Quentin Tarantino

Por Kelly Andrade

Sabe aquele filme que não faz sentido algum, não te acrescenta nada, mas mesmo assim você acha incrível? Assim é À Prova de Morte, de Quentin Tarantino, um filme que ficou parado durante três anos nas distribuidoras aqui do Brasil, e que estreou este mês no cinema nacional. Vale destacar, que o filme pode parecer muito fútil para alguns, mas na verdade, essa foi a intenção de Tarantino: criticar a futilidade.

A ideia principal do filme surgiu de outro longa, Grindhouse, idealizado em parceria com o seu amigo Robert Rodriguez. Os cineastas decidiram fazer uma homenagem aos filmes B produzidos com pouquíssimo orçamento dos anos 60 e 70, o famoso cinema marginal. Nesta época, era comum fazer filmes duplos, porém a ideia dos cineastas para a década de 2000 não deu certo e os filmes foram divididos em dois: Planeta Terror de Robert Rodriguez e À prova de morte de Tarantino.

O filme conta a história do Dublê Mike (Kurt Russell), um psicopata fascinado por adrenalina e que persegue garotas jovens e bonitas com seu carro envenenado e à prova de morte (para quem o dirige). A história é dividida em duas partes, na primeira ele persegue um grupo de garotas atraentes para matá-las, e na segunda outro grupo. O que muda de uma história pra outra é o desfecho e o estilo das garotas. Cortes grosseiros, riscos e falhas propositais fazem parecer que a projeção do cinema está com um grave problema, mas é exatamente essas “falhas” que fazem o filme se tornar mais fascinante e arrancam boas risadas dos espectadores, além de ser o principal fator que faz com que o filme lembre as décadas passadas.

Recheado de cenas de violência gratuita, erotismo e longos diálogos, o filme consegue fazer com que as cenas mais brutais se tornem engraçadas e apesar de ser o vilão do filme, Dublê Mike consegue conquistar as pessoas por alguns bons minutos, com seu jeito peculiar e engraçado de ser. A escolha de Kurt Russell para o papel principal não é à toa, afinal, o ator foi um dos principais protagonistas de filmes B nos anos 70 e 80.

Como a maioria dos filmes de Tarantino, ou você ama ou odeia, no meu caso, fiquei com a primeira opção e o indico para as pessoas que desejam se entreter em uma mistura de ação e humor na dose certa.

Pitty se apresenta em show gratuito em São Paulo

Por Kelly Andrade

A cantora Pitty fará um show gratuito no próximo domingo (25) no CCJ (Centro Cultural da Juventude) na zona norte de São Paulo. O evento faz parte do projeto Ao Vivo no CCJ e será o encerramento da comemoração ao mês do rock. O local já recebeu artistas renomados como Nação Zumbi, CPM 22 e Céu.

O show acontecerá em um palco externo ao CCJ e o repertório da roqueira contará com as músicas do seu mais recente álbum Chiaroscuro, que conta com influências do soul, bolero, tango e música erudita. Além disso, a cantora cantará hits como Me Adora e Fracasso.

Serviço:
Quando: 25 de julho
Horário: 18h00
Local: Centro Cultural da Juventude Ruth Cardoso
AV.Deputado Emílio Carlos, 3641 – Vila Nova Cachoeirinha
Valor: Gratuito

Rapper 50 Cent se apresenta na capital Paulista

Por Kelly Andrade

A turnê brasileira do rapper 50 cent já começou. O cantor passou pelas cidades de Salvador e Goiânia e agora, se apresentará em São Paulo.

O repertório vai incluir além das músicas do novo CD, sucessos como “In da Club” e “What up gangsta”. A abertura do show ficará por conta do DJ Negralha e Du Ghettu.

Rapper 50 Cent

A apresentação acontece amanhã (15) no palco do Via Funchal e o valor dos ingressos variam de R$ 200 a R$ 400. O rapper ainda passará por Belo Horizonte (16), Rio de Janeiro (17) e Florianópiolis (18).

O cantor é um dos rappers mais famosos dos Estados Unidos e já até estrelou um filme sobre a sua vida “Fique rico ou morra tentando”. Em 2000 o rapper levou nove tiros após se envolver um uma briga e quase perdeu a vida. Ainda com algumas sequelas, 50 cent deu a volta por cima e hoje é uma das maiores estrelas do Hip Hop americano.

Comemoração na Estação Ciência: 30 anos de Star Wars

Por Jaqueline Esmendia

O fã clube oficial 501st e os fãs de Star Wars de todo o Brasil se reunirão dia 17 de julho na Estação Ciência das 9h às 17h para um evento voltado para a comemoração dos trinta anos de sucesso do filme Star Wars. O evento reúne exposição e materiais históricos ao mesmo tempo fazendo retrospecto da ficção científica.

Darth Vader

Todo o evento merece destaque, mas existe uma expectativa para o horário das 15h30 quando haverá um bate papo com a presença do dublador do vilão Darth Vader. Para quem ainda não assistiu ao filme, Vader é considerado um dos 5 maiores vilões da história do cinema e é reconhecido por usar um capacete preto e ter uma respiração mecanizada.

O evento contará com atrações diversas e com a emoção dos fãs que vão relembrar a ficção que reúne Samurais com Sabres de Luz, filosofias de vida e a eterna batalha do bem contra o mal.

O evento não possui fins lucrativos, mas é pedido que os fãs levem 1kg de alimento não perecível. Será cobrado apenas a entrada de Estação Ciência, menores de 6 anos e maiores de 60 anos não pagam. Os demais pagam R$ 4,00.

Programação
9h – Abertura da Estação Ciência
9h30 – Vídeo de abertura: Homenagens a Star Wars
10h – O Universo de “Ta Wars”
11h – Bloopers
12h – As Artes Marcias em Star Wars
12h30 – Apresentação do grupo 501st/presença do Clone da propaganda do Car toon Network
13h – Os Planetas de Star Wars e nosso Sistema Solar
14h – Fanfilm Inpis
14h30 – A Ficção Cientifica
15h10 – Vídeos de Império Contra Ataca
15h30 – Bate papo geral sobre Star Wars com a presença do dublador de Darth Vader, Silvio Navas
17h – Encerramento

Serviço
501st: 30 anos de Império
Local: Estação Ciência – USP
Rua Guaicurus, 1394 – Lapa – Em frente a Estação Lapa da CPTM
Dia: 17 de julho (sábado)
Horário: a partir das 9h
Sobre a Estação Ciência: http://www.eciencia.usp.br